Monthly Archives: maio 2018

CÂMARA DE INGAZEIRA APROVA ANTECIPAÇÃO DA ELEIÇÃO E VEREADORA DEORLANDA DEVERÁ LIDERAR CHAPA ÚNICA

Por sete votos a favor e uma abstenção, os vereadores de Ingazeira aprovaram durante a última sessão ordinária da Câmara a antecipação da eleição da mesa diretora.

Assim a votação terá que acontecer até a última sessão do primeiro semestre que ocorrerá em 22 de junho.

Dentro das quatro sessões que estão programadas até lá, a atual Mesa Diretora poderá promover a eleição. Uma chapa de consenso está sendo formulada envolvendo governo e oposição e será liderada pela vereadora Deorlanda Carvalho (PSB), faltando definir apenas os demais membros.

Informações que chegam à produção dos Programas Rádio Vivo e Cidade Alerta dão conta de que Deorlanda foi convocada por vereadores dos blocos de situação e oposição para presidir a casa legislativa no biênio 2019/2020.

Pelo que parece o trabalho da parlamentar a frente de importantes comissões da Câmara de Ingazeira, foi decisivo para convencer os seus pares a chegarem ao consenso em torno do nome de Deorlanda. A informação é de Anchieta Santos ao blog.

Fonte: Nill Júnior

Cidades do Pajeú começam a semana sem saber quando terão gasolina

Afogados da Ingazeira e as demais cidades do Pajeú começam a semana hoje sem saber quando o abastecimento de combustíveis será normalizado.

Ontem, no sétimo dia de paralisação dos caminhoneiros, os bloqueios continuavam em estradas do país.

Eles protestam contra a alta dos preços dos combustíveis. Mas mesmo se a greve acabar, o fornecimento de combustíveis não se normalizará tão rápido.

Desde quinta-feira que os postos das cidades da região do Pajeú ficaram sem gasolina, etanol e diesel. Muita gente andou especulando nos últimos dias em Afogados.

Existem denúncias de que algumas pessoas estariam comercializando álcool e gasolina em fundo de quintal ao preço de R$10 e R$ 15 reais respectivamente, prática que é ilegal.

 

Fonte: Nill  Júnior

José Humberto cobra ampliação dos serviços de telefonia móvel para Tuparetama, Iguaracy e Ingazeira

Atendendo a pedidos dos moradores dos municípios de Tuparetama, Iguaracy e Ingazeira, todos localizados no sertão do Pajeú, o deputado estadual José Humberto esteve reunido ontem (17) com o gerente regional da Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), Sérgio Cavendish. Na pauta, a necessidade de investimentos para a ampliação dos serviços de telefonia móvel nestes municípios.

“Responsável por encurtar distâncias, a telefonia móvel se tornou um item essencial que contribui na integração e desenvolvimento da sociedade. A ampliação no número de operadoras disponíveis nestes municípios, bem como a extensão dos serviços a comunidades distantes dos perímetros urbanos, de um lado daria à população a oportunidade de escolha e também tiraria do isolamento localidades que hoje sequer dispõem do serviço.”, destacou José Humberto.

Atento as demandas apresentadas pelo deputado, o diretor regional da ANATEL, Sérgio Cavendish, se comprometeu a levar junto às operadoras de telefonia celular a necessidade da ampliação dos serviços nos três municípios do sertão do Pajeú.

Priscila Krause questiona conta de água superior a R$ 1,2 milhão da Arena Pernambuco

Uma conta de água de mais de R$ 1,2 milhão, da Arena de Pernambuco, referente ao mês de abril, levou a deputada Priscila Krause (DEM) a pedir providências da Controladoria Geral do Estado sobre a questão, durante a Reunião Plenária da última segunda (21). Segundo a parlamentar, que analisou as despesas do Poder Executivo com o estádio, até o ano passado as contas eram, em média, na faixa de R$ 40 mil por mês. “Há algo de muito errado. Ou o Governo resolve isso ou assina o atestado de incompetência”, afirmou.

O valor de abril, comparou a deputada, equivale ao consumo de água de uma cidade com a população de Toritama, no Agreste, com 40 mil habitantes. “São recursos financeiros e hídricos desperdiçados por um Estado que penou sete anos em uma seca”, disse. “Não tenho dúvida de que há algo de errado, resta saber o quê”, avaliou, comparando que a Arena Corinthians, em São Paulo, gasta R$ 72 mil por mês em contas de água.

Priscila Krause mencionou que também os valores pagos nos três primeiros meses deste ano pela Arena de Pernambuco superaram a média de 2017. De acordo com os dados a que teve acesso, em janeiro foram gastos R$ 110 mil; em fevereiro, R$ 76 mil; e em março, R$ 459 mil.

Por Robério Sá

AO LADO DE ALIADOS, JOSÉ HUMBERTO PARTICIPA DE EVENTO EM ALIANÇA, NA MATA NORTE

 

 

Ao lado de aliados, José Humberto participa de evento em Aliança, na Mata NorteApós cumprir uma série de compromissos durante o último final de semana, onde visitou lideranças nos municípios de Glória do Goitá e Casinhas, o deputado estadual José Humberto (PTB) encerrou a sua maratona de visitas, ontem (20), na festa em homenagem às mães no município de Aliança, na Zona da Mata Norte.

Recebido pelo prefeito Xisto Freitas (PSD), a primeira dama Carol Peixoto e vereadores aliados, o parlamentar prestigiou o evento que aconteceu no Pátio da Cultura, no Centro.

Com forte atuação na Zona da Mata Norte, José Humberto possui uma relação política histórica com Aliança, município onde sempre foi votado. Como gesto de compromisso com a população o parlamentar destinou emendas para a aquisição de três ambulâncias que já foram entregues, além de outra emenda que servirá para a aquisição de um equipamento de Raio-X que em breve deve está à disposição dos munícipes

 

Serra Talhada tem encontro de jornalistas e Geraldo Freire no “Comunicando”

 

A prefeitura de Serra Talhada e a Autarquia Educacional de Serra Talhada – AESET dão sequência até este dia 11 da programação de um importante evento voltado para as diferentes interações da linguagem no meio social e acadêmico, na Concha Acústica.

 “O Comunicando” faz parte da programação dos 167 anos de Emancipação Política de Serra Talhada e aborda temas pertinentes ao uso da língua, a exemplo do português dentro da “comunicação social”, uso do inglês e a linguagem de sinais, Libras.

Tem ainda exposição, lançamento de livros, homenagens, bate papo, feira de artesanato e apresentações culturais.

O bate papo terá Giovani Sá (Farol de Notícias), Caren Diniz (TV Asa Branca), Rochany Rocha, Carla Carvalho (Saminina), Anderson Tennens (Cultura FM) e este blogueiro. será hoje às 20h na Concha Acústica.

Antes, às 19h, haverá debate com o tema Inglês no Sertão: Expressões presentes no cotidiano das pessoas do município de Serra Talhada.

Nesta sexta, haverá o lançamento do livro  “O que eu disse e o que me disseram”, do comunicador Geraldo Freire, da Rádio Jornal.

 

Fonte: Nill Júnior

Adversários, Josete e Dinca convidam tabirenses para visita de Câmara

Por Anchieta Santos

O governador Paulo Câmara visita Tabira hoje à tarde. Ás 14h30 concede entrevista à Rádio Cidade FM. Em seguida entrega o novo Curral do Gado do município, sede da maior feira de gado do sertão Pernambucano.

Depois, acontece a inauguração da Indústria de Alimentos da Cooperativa da Agricultura Familiar Indígena e assentados-Coodapis e entrega  200 Kits de Caráter Produtivo.

Adversários históricos, os ex-prefeitos Josete Amaral (PSB) e Dinca Brandino (PMDB), cada um ao seu modo convida os correligionários para prestigiarem a passagem do governador pela Cidade das Tradições.

Enquanto Josete Amaral gravou ele mesmo uma chamada para ser veiculada na Rádio Cidade FM desde ontem, Dinca se superou no convite. Utilizando a rede social Watzapp, a assessoria do politico diz que tentou ligar pra “você”, mas infelizmente a TIM não permitiu. Para o convite de Brandino também vale o perguntar não ofende: “Dá para acreditar?”.

Entre os dois ex-prefeitos estará o Prefeito Sebastião Dias (PTB), aliado do senador Armando Monteiro. Ou seja, uma salada sem tamanho.

 

Fonte: Nill Júnior

Ingazeira: vereadora diz que movimento contra projeto foi político

 

Em relação à sua publicação sobre o Projeto de Lei do Executivo 003/2018, assim como minha suposta posição, creditando a mim  a afirmação de que “os servidores de Ingazeira eram incapazes de eleger seus representantes”, afirmo ser  inverídica e distorcida, por um grupo politico que lá se encontrava.

Esse grupo não lutava pelo futuro dos servidores municipais e sim por uma presidência de uma Autarquia, com fins único e exclusivamente partidários.

Minhas palavras foram registradas em ATA, que pode e deve ser consultada. Os servidores que ali se faziam presentes e que realmente estavam preocupados com o projeto saíram da reunião tranquilizados e concordando com o nosso parecer favorável, mediante argumentos expostos não só por mim, mas por outros colegas vereadores.

Vale salientar que para emitirmos o parecer, a Comissão esteve reunida com o assessor jurídico da Câmara, que é servidor efetivo do município e contribuinte do INPREIN. O fizemos de forma responsável e consciente.

O fato do Presidente do INPREIN ser escolhido pelo gestor municipal, não diz que o mesmo tomará decisões ao seu bel prazer. No Projeto existe uma Conselho Administrativo e Fiscal, escolhido pelos servidores, assim como um Comitê de Finanças, que deverá fiscalizar e intervir nas decisões financeiras.

Infelizmente, alguns colegas vereadores não conhecem o Regimento Interno da Casa, e alimentaram uma falsa esperança de que as pessoas que iriam participar, iriam falar durante a sessão, o que não é permitido. Para fazer uso da palavra, é necessária a inscrição previamente, até a quarta-feira que antecede a sessão, o que não aconteceu.

A única vez que tentaram usar a palavra, foi através de um “representante de classe” dos professores, que se quer era funcionário do município, tentando causar baderna e interromper o andamento da sessão.

Estou à disposição para quaisquer esclarecimento.

Deorlanda Carvalho – Vereadora de Ingazeira

 

Fonte: Nill Júnior

Ingazeira: projeto tira autonomia de servidores em Instituto de Previdência, reclama categoria


Servidores de Ingazeira externaram apreensão em contato com o blog após aprovação do projeto de lei 003/2018 na Câmara.

O projeto retira dos servidores municipais o direito de nomear os membros do Instituto de Previdência de Ingazeira (IPREIN) e entrega ao Prefeito municipal a decisão. Foi enviado pelo prefeito Lino Morais, que tem maioria na casa.

Com a aprovação, os servidores externaram apreensão com o que pode acontecer após a queda de autonomia e fim do processo democrático de escolha.

Um grupo de servidores tentou barrar a sua aprovação, considerando que o projeto lesava os servidores. Mas não teve jeito. O projeto passou na Comissão e foi levado a plenário pelo presidente Geno Veras.

Na Comissão de Constituição e Justiça, deram parecer favorável Deorlanda Carvalho, Argemiro Morais e Admilson Véras.

No plenário, os três mantiveram entendimento pela aprovação do projeto, seguidos ainda por  Djalma do Minadouro,  Djalminha Veras e Aécio Bezerra. Dorneles Alencar e Aglailson Veras foram contrários. O projeto foi aprovado por 6×2.

Um grupo de funcionários mobilizou a classe e lotou a Câmara na tentativa de sensibilizar os vereadores. No entanto, dizem, foram hostilizados por alguns legisladores que não quiseram ouvi-los e ainda foram ameaçados com a convocação da PM sob alegação de manutenção da ordem.

A vereadora Deorlanda Carvalho foi criticada por declarar que os servidores “eram incapazes de eleger representantes” para o órgão de previdência. O receio dos servidores é de perda de autonomia e desmonte do Instituto.

Fonte: Blog do Nill Júnior