Ingazeira Agora

Sem MP, vereadores, OAB e Acorda Serra Talhada planejam passos pela redução do valor do gás

A reunião programada entre os vereadores, o Movimento Acorda Serra Talhada e o MP mais uma vez não aconteceu.

A promotora Renata Landim, titular de Belmonte e que atua como Substituta em Serra Talhada não compareceu alegando problemas de agenda que surgiram.

Assim, os vereadores, o Movimento, o presidente da OAB Allan Pereira, o representante da Copagás João Batista, mais outros representantes do Recife tiveram uma reunião de trabalho para encaminhar medidas que levem a um entendimento sobre os preços abusivos praticados.

“Vamos convidar os outros cinco revendedores de Serra Talhada e solicitar que mostrem os pontos informais fechados. Também vamos levantar a questão de valores de alvarás pagos, regularização e trabalhar a realização de uma Audiência Pública. A partir daí buscar baixar o custo e consequentemente o preço praticado”, disse o vereador Zé Raimundo.

 A Câmara ainda oficiará o Ministério Público solicitado informações sobre a Resolução 05/17 que foi repassada para os distribuidores de gás que deveriam apresentar planilhas de custos e margem de lucro. “Após essas informações de distribuidores e MP vamos discutir a Audiência Pública para saber porque dos valores diferentes dos praticados em outras cidades da região”, acrescentou.

Do Movimento Acorda Serra Talhada, nomes como Cornélio Pedro, Eliane Oliveira e Jô Alves, mais os vereadores Manoel Enfermeiro, Zé Raimundo, Rosimério de Cuca, André Maio, Jaime Inácio, Pinheiro do São Miguel, Antonio Antenor, Nailson Gomes e Alice Conrado.

Fonte: Blog do Nill junior

Márcio Goiano fecha treino, mas não deve mexer muito no Náutico; Assis e Thiago ficam fora

O técnico Márcio Goiano fechou o último treino do Náutico antes do jogo contra o Santa Cruz, que será nesta quarta-feira, pela segunda fase da Copa do Brasil. Sem presença da imprensa, ele trabalhou a equipe nesta terça à tarde e tentou dar um ar de mistério à escalação, que não revelou antecipadamente. Apesar disso, é pouco provável que haja grandes mudanças no time.

A principal dúvida é a lateral-esquerda. Assis não estava em campo durante o aquecimento do time, o que indica que ainda não está recuperado de dores musculares na coxa (sentidas no jogo contra o Flamengo de Arcoverde). Caso ele, de fato, não possa jogar, Gabriel Araújo é o favorito para ocupar seu lugar.

Se Márcio quiser dar uma consistência maior no setor, ele pode arriscar a improvisação de Josa, volante canhoto, para atuar por ali – mas isso tem poucas chances de acontecer.

A única outra possível alteração é no setor de meio de campo. Com Josa de volta, ele pode sacar Lucas Paraíba e colocar o experiente volante. Tornaria, assim, o time mais marcador – mas com menos controle de jogo. Outra opção é tirar Lucas para colocar um jogador com característica mais parecida, Fábio Matos. Mas também pouco provável.

Daí em diante, as mudanças são muito improváveis. Assim, o Náutico deve ter a seguinte escalação em campo contra o Santa: Bruno; André Krobel, Diego Silva, Rafael Ribeiro e Gabriel Araújo; Jiménez, Luiz Henrique e Lucas Paraíba; Robinho, Jorge Henrique e Wallace Pernambucano.

Banco desfalcado

Além de Assis, outros dois jogadores não treinaram: os atacantes Rafael Oliveira e Thiago. Ambos são reservas, mas costumam entrar no time (especialmente o segundo), o que diminui o leque de opções de Márcio Goiano para eventuais substituições durante a partida.

Fonte: Globo Esporte PE

Presidente revela déficit superior a R$ 100 milhões e indica demissões no Sport

Prestes a abrir as contas para os sócios, em reunião do Conselho Deliberativo, nesta terça-feira, o presidente do Sport, Milton Bivar, revelou o tamanho da crise financeira do clube. Com uma previsão orçamentária que indica uma queda de dois terços do que o Leão teve em 2018, o mandatário disse que as dívidas do Rubro-negro superam os R$ 100 milhões.

– O Sport deve um montante superior a R$ 100 milhões. Infelizmente, o clube está em uma situação caótica. Quando assumi, pensei que era algo em torno de R$ 60 milhões, mas é muito superior. Destrincharei esses números na reunião do conselho, mas tivemos problemas sérios de gestão. Nos últimos anos, o Sport teve uma previsão de orçamento que superava os R$ 100 milhões, mas em 2019 nós teremos um terço disso. É essa a nossa situação – disse o dirigente, lembrando que o Leão teve um orçamento de R$ 108.382.297, em 2018.

De acordo com o Bivar, contratações, altos salários e dívidas com clubes são os piores problemas que o Sport enfrenta.

– As pessoas perguntam como essa dívida foi gerada. Vou dar um exemplo do que aconteceu aqui nos quatro últimos anos. O Sport contratou um jogador que tinha os direitos econômicos ligados a dois clubes. Dividiu a compra em 12 vezes, pagou uma e não pagou mais. Atrasou o salário do jogador e passou a ter três dívidas. Não só foi um atleta, foram vários. Isso, além de jogador ganhando até R$ 400 mil. O Sport não pode pagar esse salário para ninguém.

Apesar de culpar as gestões de João Humberto Martorelli e Arnaldo Barros, Bivar deixou claro que, no momento, não pensa em procurar responsabilizar os ex-presidentes na esfera jurídica.

“Não posso levar para justiça pois não tenho provas de que algo foi feito de má fé. Responsabilizo na capacidade, pois foram gestões desastrosas, mas só procuraria a Justiça se fosse algo desleal. Se isso for constatado, certamente eu buscarei os direitos do Sport.”

Sem receita prevista de patrocínio ou participação em competições, Milton Bivar deixou claro o que, para ele, será a solução para reduzir o rombo financeiro.

– Vamos reduzir o clube. Não tem jeito. Teremos que demitir, reduzir regalias, fazer uma folha enxuta. Administrativo e futebol. Não tenho mais receita. Anteciparam até anuidade dos sócios. A solução é isso: reduzir o tamanho do clube, pois não temos condição de pagar. A folha do futebol também será enxuta, não posso ter um time caro. Nem perto disso.

Fonte: Globo Esporte PE

Governo apresenta nesta quarta-feira proposta de reforma da Previdência

Bolsonaro vai entregar o projeto da Reforma da Previdência ao Congresso em mãos

Por Alexandro Martello, G1 — Brasília

O governo apresentará nesta quarta-feira (20) ao Congresso Nacional a proposta de reforma da Previdência Social.

A expectativa é que o presidente Jair Bolsonaro entregue o texto pessoalmente ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), na parte da manhã. Segundo o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio do Rêgo Barros, Bolsonaro fará um pronunciamento na TV à noite para defender a aprovação do projeto.

Na semana passada, o secretário de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, informou que a proposta vai prever idade mínima de aposentadoria de 65 anos para homens e de 62 anos para mulheres ao final de um período de transição de 12 anos.

O tempo de transição proposto pelo governo Bolsonaro é menor que o proposto pelo governo Michel Temer, que previa 21 anos.

Na proposta de reforma da Previdência, o governo deve incluir a criação de novas alíquotas de contribuição dos trabalhadores. Estados e municípios também vão fazer parte da reforma.

A expectativa é que a reforma englobe também os servidores públicos e os militares. Recentemente, Rogério Marinho afirmou que Bolsonaro quer que a reforma seja para “todos os segmentos” da sociedade.

A equipe econômica também informou que buscará implementar um regime de capitalização – pelo qual ada trabalhador financia a própria aposentadoria por depósitos em uma conta individual.

Entretanto, detalhes sobre essa proposta podem não ser apresentados nesta quarta-feira, ficando para um segundo momento.

Reforma da Previdência deve propor novas alíquotas de contribuição

Rombo previdenciário

No ano passado, o rombo previdenciário total (setor privado, servidores públicos e militares) atingiu R$ 290,297 bilhões.

Segundo a Secretaria do Tesouro Nacional, o déficit da previdência foi o principal fator para as contas do governo registrarem déficit de R$ 120 bilhões em 2018. Esse foi o quinto ano seguido de rombo.

Dados oficiais mostram que a média de idade da aposentadoria está entre menores do mundo no Brasil. Ao mesmo tempo, informações do Banco Mundial (Bird) e da OCDE revelam que o Brasil é o país com população jovem que mais gasta com Previdência.

Os números indicam ainda que o rombo tende a aumentar nos próximos anos com o envelhecimento da população. Dados do IBGE mostram que o Brasil terá 73 milhões de idosos em 2060, ou seja, cerca de 32% da população – contra os atuais 13%

Confirmado: FBC será líder do governo no Senado

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) está confirmado no posto de líder do governo no Senado. Caberá ao pernambucano, que já serviu aos presidentes Dilma Rousseff e Michel Temer, ajudar na relação do Governo Bolsonaro com a Casa Alta.

Fonte: Blog do Magno Martins

Combustível usado na Câmara de Venturosa por mês dava para cortar país de ponta a ponta

Após constatar indícios de irregularidades no uso dos veículos oficiais da Câmara de Vereadores de Venturosa, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou ao presidente da casa, Wilson Filho (PSDB) adotar uma série de medidas para dar mais transparência sobre o uso dos carros.

De acordo com o promotor de Justiça Igor de Albuquerque, ficou comprovado um gasto aparentemente excessivo com combustível, uma vez que a Câmara adquire cerca de 800 litros por mês para os dois carros que possui.

Assim, o representante do MPPE recomendou ao Poder Legislativo que disponibilize mensalmente, no Portal da Transparência da Câmara, informações completas sobre os gastos com o abastecimento dos veículos oficiais.

Os dados mínimos exigidos são a marca e modelo dos carros, ano de fabricação, placa, total de combustível adquirido, valor pago pelo combustível, quantidade de litros abastecidos no mês e a leitura dos hodômetros de cada veículo.

O presidente da Câmara de Vereadores de Venturosa tem um prazo de 20 dias para informar ao MPPE se acata ou não as medidas recomendadas. Para que se tenha ideia, com um consumo médio de 12 quilômetros por litro, os veículos percorrem por mês 9.600 quilômetros, que daria para atravessar o país duas vezes ou ir quase três vezes a Porto Alegre de carro. Por dia, são 320 quilômetros.

Fonte: Blog do Nill Junior

Acometido de dengue, Gonzaga Patriota é internado em Brasília

O Deputado Federal Gonzaga Patriota está internado em um hospital de Brasília com dengue clássica. O nome da unidade não foi informado e Gonzaga afirmou não estar atendendo telefone ou interagindo nas redes sociais por orientação médica. Apenas divulgou uma foto acamado, com medicação e hidratação intravenosa. “estou com uma dengue pesada”, disse.

Gonzaga tem 72 anos e está na Câmara dos Deputados desde 1995. Formado em bacharelado em Ciências Contábeis, Jornalismo e Direito. Iniciou sua vida pública ainda como estudante e membro do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) desde 1968, em 1980 o partido passou a ser chamado de Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Encontra-se filiado ao Partido Socialista Brasileiro desde 1994.

Suas campanhas em Pernambuco sempre buscaram vincular sua imagem à defesa de um abrandamento da legislação contra o trabalho informal; principalmente ambulantes e transporte público irregular.

Como deputado federal, votou a favor da admissibilidade do processo de impeachment de Dilma Rousseff. Já durante o Governo Michel Temer, votou contra a PEC do Teto dos Gastos Públicos. Em abril de 2017 foi contrário à Reforma Trabalhista. Em agosto de 2017 votou a favor do processo em que se pedia abertura de investigação do presidente Michel Temer.

O deputado coordenou a eleição da Câmara que reconduziu Rodrigo Maya à presidência da casa. Comandou a sessão por ser o deputado mais idoso dentre aqueles com maior número de legislaturas, já que o atual presidente da Casa, Rodrigo Maia, é candidato a novo mandato de presidente.

Fonte: Blog do Nill Junior

Leilões de concessão de aeroportos renderão R$ 3,5 bi, diz Bolsonaro

Na expectativa de concluir até março os 23 leilões de concessão de aeroportos, o presidente Jair Bolsonaro destacou hoje (18), em sua conta no Twitter, a captação de R$ 3,5 bilhões em investimentos em 12 terminais, prevista para o próximo mês.

“Composto pelos aeroportos de Recife-PE, Maceió-AL, Aracaju-SE, Juazeiro do Norte -CE, João Pessoa, Campina Grande-PB, Vitória-ES e Macaé-RJ, Cuiabá e Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos em Mato Grosso”, explicou o presidente.
Mais empregos
“Todos os leilões dos aeroportos citados estão previstos para serem realizados até março deste ano, conforme anúncio feito pela @ppinvestimentos . Qualidade no serviço específico, empregabilidade e economia. Estes são apenas os primeiros passos dentro desta área”, assegurou Bolsonaro.
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, responsável pela área, já havia anunciado que o processo relativo a 12 terminais ocorreria em 15 de março. De acordo com os cálculos feitos pelo governo, a estimativa é arrecadar R$ 6,4 bilhões até o fim do ano, considerando a concessão de todos os aeroportos.
Além dos terminais aeroportuários, o Ministério da Infraestrutura ainda pretende arrendar mais 10 terminais portuários e a Ferrovia Norte-Sul ainda nos 100 primeiros dias de governo. O valor total estimado em investimentos com essa ação supera R$ 7 bilhões.
Fonte: Diário de Pernambuco

PF investiga fraudes e associação criminosa no sistema S em Pernambuco

A Polícia Federal em Pernambuco, cumpre, na manhã desta terça-feira (19), mandados de prisão na Operação Fantoche, em parceria com o Tribunal de Contas da União (TCU). O alvo são pessoas de um grupo de empresas sob o controle de um mesmo núcleo familiar que atua de forma contínua e perene, desde 2002, executando contratos firmados por meio de convênios com o Ministério do Turismo e entidades paraestatais do intitulado sistema “S”.   Um carro da PF está na frente da Casa da Indústria, na Fiepe, na Avenida Cruz Cabugá.

Ainda segundo a PF, a operação tem o objetivo de desarticular a organização criminosa que praticava crimes contra a administração pública, fraudes licitatórias, associação criminosa e lavagem de ativos.

A operação conta com a participação de 213 policiais federais e oito auditores do TCU que estão cumprindo 40 mandados de busca e apreensão e 10 mandados de prisão temporária,  em Pernambuco, Minas Gerais, São Paulo, Paraíba, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul e Alagoas.  As medidas foram determinadas pela 4ª Vara Federal da Seção Judiciária de Pernambuco, que ainda autorizou o sequestro e bloqueio de bens e valores dos investigados.

Funcionamento do esquema criminoso

A Polícia Federal descobriu que o modus operandi empregado pelo grupo era sempre muito parecido.  Eram utilizados entidades de direito privado sem fins lucrativos para justificar a celebração de contratos e convênios diretos com o Ministério convenente e unidades do Sistema S, contratos estes, em sua maioria, voltados à execução de eventos culturais e de publicidade superfaturados e/ou com inexecução parcial, sendo os recursos posteriormente desviados em favor do núcleo empresarial por intermédio de empresas de fachada.

Estima-se que o grupo já tenha recebido mais de R$ 400 milhões decorrentes desses contratos.

Em nota através da assessoria de comunicação, o Sistema S informou que “sobre as recentes investigações ao Sistema S, esclarecemos que todos os contratos de patrocínio do SESI respeitam as leis de licitação e tem processo transparente publicado em jornais. Informamos ainda que a entidade vai colaborar no que for possível com as investigações realizadas pela polícia.”

Fonte: Radio Jornal

Depois de sete jogos, Milton Cruz pede demissão e deixa Sport

Durou pouco a passagem de Milton Cruz pelo Sport. Exatamente dois meses depois de ser confirmado e um mês e meio depois de começar a trabalhar efetivamente no clube, o treinador pediu demissão e está de saída da Ilha do Retiro. O anúncio foi feito na noite desta segunda-feira em um comunicado pelo site oficial do Leão, que deixou claro que o pedido partiu do técnico.

As duas partes concederão uma entrevista coletiva nesta terça à tarde para explicar maiores detalhes. A entrevista acontecerá no Centro de Treinamento do Sport com treinador e diretoria juntos, o que dá a entender que a saída foi amigável.

Milton Cruz comandou o Sport em sete partidas em 2019. Estreou com uma derrota em casa para o Flamengo de Arcoverde, mas depois emendou quatro vitórias seguidas contra Vitória, Náutico, América-PE e Petrolina. Todas pelo pelo Campeonato Pernambucano. E não resistiu aos dois últimos tropeços. Na quarta-feira, perdeu por 3 a 0 para o Tombense-MG e saiu da Copa do Brasil na primeira fase. E no domingo foi derrotado por 1 a 0 pelo Santa Cruz.

O treinador vinha sendo muito criticado pela torcida e no jogo do último domingo, contra o Santa Cruz, chegou a ser chamado de “burro” pelos torcedores que estiveram no Arruda quando sacou o atacante Ezequiel do time para a entrada de Alisson Farias. A grande cobrança era pela utilização de três volantes na equipe mesmo com o placar em desvantagem. O fato aconteceu tanto contra o Tricolor, quanto contra o Tombense-MG. O treinador inclusive se defendeu das críticas, mas resolveu pedir as contas.

Em entrevista ao GloboEsporte.com durante a tarde desta segunda-feira, o diretor de futebol Wanderson Lacerda havia reforçado a confiança da diretoria no trabalho de Milton Cruz. Ele confirmou que os dirigentes se reuniriam, mas garantiu que a saída do treinador não estava na pauta.

O Sport agora corre atrás de um novo treinador. Como foi pega de surpresa, a diretoria ainda não tem contatos feitos, mas já começou o trabalho para levantar nomes e a tendência é que nesta terça-feira inicie a busca efetiva pelo substituto de Milton Cruz. Neste momento, o ex-zagueiro do clube, César Lucena, assume a equipe interinamente. Ele está na comissão técnica há dois anos e já comandou a equipe em treinos, mas ainda não dirigiu em jogos.

Milton Cruz teve participação efetiva na montagem do elenco do Sport. Ele atuou junto com os diretores de futebol desde o início na indicação de atletas e no contato com eles para que aceitassem a proposta. Dos 15 reforços do Leão, três trabalharam com ele no ano passado no Figueirense. São eles o zagueiro Cleberson, o lateral-esquerdo Guilherme Lazaroni e o atacante Elton.

Fonte: Globo Esporte PE

Prefeitura e Compesa assinam convênio de 1,5 milhão para construção de adutora em Serra Talhada

Adutora com tubulação de ferro fundido levará água para os campis da UAST e UPE, beneficiando diretamente mais de 3 mil pessoas

A cidade de Serra Talhada contará com um importante reforço no abastecimento através da construção de adutora com nova tubulação de ferro fundido, que levará água para os campis da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UAST) e para a Faculdade de Medicina da Universidade de Pernambuco (UPE).

A assinatura do plano de trabalho para a execução da obra, realizada nesta segunda-feira (18.02), contou com a articulação do deputado federal Fernando Monteiro (PP) e celebra uma parceria entre a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a Prefeitura Municipal de Serra Talhada, representada na assinatura do convênio pelo Prefeito Luciano Duque.

A obra, orçada em R$ 1,5 milhão e que terá 4 km de extensão, vai beneficiar diretamente mais de 3 mil pessoas nas instituições de ensino e desafogar o abastecimento da adutora antiga, melhorando a distribuição de água nas comunidades dos bairros do Mutirão e Universitário, com cerca de 7 mil pessoas.

A assinatura do convênio contou com a participação do presidente da Compesa, Roberto Tavares; do diretor de Interior da Companhia, Marconi Azevedo; do prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque; do deputado federal Fernando Monteiro, e da reitora da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Maria José de Sena.

Segundo o prefeito Luciano Duque, o empreendimento, após a fase de licitação, tem previsão de conclusão de pouco mais de um mês. “A prefeitura de Serra Talhada arcará com os serviços de implantação do equipamento. Em pouco mais de um mês estaremos comemorando essa grande conquista para a nossa cidade”, afirmou o gestor.

Segundo a reitora da UFRPE, a adutora permitirá que as atividades de ensino e pesquisa se desenvolvam a contento. “A garantia de abastecimento é tranquilizadora e garantirá que as atividades não sejam prejudicadas. Foi uma grande conquista”, garantiu.

Outro avanço discutido no encontro entre os gestores foi o andamento de uma segunda adutora, que abastecerá o novo bairro de Serra Talhada, o Vanete Almeida, que conta com 902 unidades habitacionais pelo programa Minha Casa Minha Vida.

As casas, financiadas pelo Banco do Brasil, já estão prontas para serem entregues. O novo empreendimento permitirá também o abastecimento do futuro condomínio industrial de Serra Talhada e do Hospital Geral do Sertão (HGS) – Governador Eduardo Campos, localizado às margens do Km 418 da BR-232, também em Serra Talhada.

Fonte: Blog do Nill Junior

Flores: projeto de iluminação com energia solar chega a Fátima

Os moradores de Fátima, distrito de Flores foram contemplados neste final de semana, com mais ações da Prefeitura de Flores. Todas as luminárias convencionais que, dão acesso ao distrito foram substituídas por luminárias de LED a energia solar.

Este é o segundo ponto da cidade que recebe esse tipo de tecnologia que, diminui a conta de energia, as despesas com manutenção e contribui com o meio ambiente.

A ação em trocar luminárias convencionais por LED está dentro cronograma de trabalho do Programa Ilumina Flores, criado pela administração municipal, através da Secretaria de Infraestrutura.

O Prefeito do Município, Marconi Santana, que esteve acompanhando os trabalhos de instalação assegurou que, mais equipamentos públicos, como praças e pontos turístico vão receber essa nova tecnologia.

Fonte: Blog do Nill Junior